O FIO DA MEADA (com que eu vou tecendo a vida...)

Esse blog tem de tudo um pouco(talvez um pouco a mais sobre tricô),e espero poder dividir algumas coisas que acontecem comigo e do que eu faço,com vocês. Bem-vinda(o)s ao meu cantinho!

domingo, março 30, 2008

E NOSSO GRUPO MONTRICÔ GANHA NOTORIEDADE...

...Tá lá,preto no branco:

A matéria da revista foi feita com a parte do nosso querido grupo Montricô que mora em São Paulo.
Muito feliz a abordagem dada pelo repórter.
Tricô e crochê é feito(também) por pessoas das mais variadas idades(e não só por velhinhas,como os "leigos" acham),classes sociais,profissões...
Como ganha pão ou diversão,o certo é que tecer é um hábito saudabilíssimo,que "desestressa" e rende coisas úteis e belas.
E em alguns casos até ajuda(com campanhas de gorrinhos,quadradinhos,meias,e etc,em prol dos mais necessitados,feitas por inúmeros blogs e grupos de tricô e crochê que têm por aí),e enquanto se tece prá ajudar os outros,ao mesmo tempo nos ajudamos a nós mesma(o)s.Gente que tricota é gente do bem!
Um par de agulhas e um fio de lã podem mudar vidas...e garanto que prá melhor!
Juntas e fortalecidas,numa corrente de tricô,podemos mudar algumas coisas,sim!
Ao ganharmos notoriedade,ganhamos também voz para reinvindicarmos melhores fios e acessórios para os fabricantes,pois quando uma grande fábrica de fios vê uma reportagem sobre tricoteiras numa revista do porte da Veja,é sinal de que há muito mais mercado aqui para isso do que supõem a vã filosofia deles de que aqui não há mercado prá isso e aquilo(que eles fabricam aqui e exportam lá prá fora,enquanto nós engolimos fios importados da China e da Turquia,de qualidade prá lá de duvidosa...).
Senhores fabricantes,abram seus olhos prá nós!
Nós existimos,e estamos ávidas por fios e acessórios decentes,a preços honestos!!
Resumindo:estou muito orgulhosa por fazer parte do grupo Montricô,e tenho certeza que ,por causa dele,algumas coisas vão mudar debaixo da linha do Equador,no que diz respeito ao mundo "tricosístico"...
Beijoconas,
Rosi

posted by Rosi | 1:11 AM

1 Comments:

Anonymous Anônimo said...

Oi Rosi querida!! Como vai?
Adorei o que vc colocou nesta sua postagem sobre o Grupo Mon tricot. Acho que de fato, ganhamos espaço!Agora não tem mais jeito! Muita coisa tem sido feita por nós mesmos, em termos de tricô nos quatro cantos deste país: os blogs, as troca de receitas, os nossos encontros (estou aqui com uma vontade imensa de conhecer o nosso grupo "gauchotreiro" hehehehe). Acho que nossa plantinha está ganhando suas primeiras folhas - por quanto tempo amiga, o tricô ficou quetinho e parado literalmente lá no fundo do baú??
Temos que colocar um post lá no Mon, abordando o assunto sobre como o pessoal retornou a fazer tricô, como o que os motivou neste "comeback" com as agulhas e lãs.
Um grande abraço querida!!! E muitas beijoconas.

Júnia Flores

ter abr 01, 07:48:00 PM 2008  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home